Fim

Não posso escolher, porque é desertar ou desistir. Penso em muitas coisas que não posso ter agora. Penso nas pessoas que só pensam em ir embora. É preciso saber qual é, exatamente, o problema. O porquê das coisas serem reais e obscuras, dentro do poema. Se não alcanço a tua mão, é que o perdão […]

Verbo Caído

Nunca vou me esquecer da chuva daquela tarde. Não era apenas ela que caía. Eu também me diluía, gota a gota, carne-viva escorrendo pelas grades dos esgotos. Parecia fácil, não fosse a dor que me tomava a cada gole que a terra bebia impiedosamente, sedentamente, rigorosa. Depois de me atirar em vários moinhos, resolvi não […]